Atualmente nossa vida transcorre numa velocidade inimaginável, se comparado a 20 anos atrás. Cada minuto de nossa agenda está lotado de afazeres, tarefas e obrigações. Corremos de um lado para o outro, do momento em que acordamos, até, finalmente, conseguirmos voltar para nossas camas, e, às vezes, por conta de nossas preocupações, nem conseguimos dormir direito.

O problema é que vivemos sem propósito, no piloto automático, sem saber lidar com os estresses e frustrações diárias. Os números mostram isso, segundo dados da OMS de 2019, 18,6 milhões de brasileiros vivem ansiosos, somos o país mais ansioso do mundo.

Infelizmente, como o ritmo caótico de nossas vidas, nossa atenção é atraída para diversas direções o tempo todo. Mudamos nosso foco a todo momento e isso obscurece os nossos objetivos.

Por isso, trouxe 3 passos simples para que você incrementar em sua rotina:

1º passo:

Escolha uma tarefa simples como ponto de partida e mantenha sua atenção sem alterar o foco, pode ser qualquer coisa, comer, ler uma reportagem ou algum relatório. Observe cada vez que sua atenção desviar e gentilmente traga seu foco de volta para sua atividade.

2º passo:

Pratique essa técnica ao longo do dia, não importa o que esteja fazendo, tomando banho, comendo ou conversando com um amigo. Pare toda vez que perceber que sua atenção se voltou para algo diferente, se perceba, reconheça os pensamentos e retorne sua atenção para o momento.

3º passo:

Em complemento, use essa técnica simples de meditação. Ao acordar, sente-se em um lugar confortável e feche os olhos, em seguida, mantenha o foco em sua respiração. Caso sua atenção se desvie, gentilmente volte a se concentrar em sua respiração. Faça isso por alguns minutos ou sempre que sentir estressado ou ansioso.

Por fim, espero que essas pequenas atividades possam trazer um pouco de tranquilidade nessa rotina insana que vivemos diariamente, e que consiga, aos poucos, compreender o verdadeiro significado de uma vida plena.

“Sentimentos vêm e vão como nuvens em um céu ventoso. A respiração é minha âncora.”. – Thich Nhat Hanh